Mais um 7×1?

Está bem clara que a situação no Brasil não é das melhoras, a crise chegou!  A marolinha virou uma onda de desconfiança que se alastra por grande parte do território nacional, em meio a isso tudo, temos uma crise política que dificulta a votação de medidas que nos ajudariam a sair dessa, uma delas é o aperto fiscal e mais recentemente a volta da CPMF.

A população não aguenta mais impostos, o governo erra e quem paga a conta é sempre o contribuinte, se não bastasse isso, ainda não vimos nosso governo cortar da própria carne, diminuindo cargos comissionados, ministérios e funcionários que ajudam a engordar a máquina pública, pelo jeito, o governo não está afim de mexer em seu próprio bolso.

Na contra mão dessa onda de camaradagem, está o Macri, o mais novo presidente da Argentina vem fazendo uma limpa, somente na quinta e sexta-feira passada, (28 e 29/01), dispensou quase 700 funcionários públicos, que lá são chamados de ñoquis (nhoques), colaboradores fantasmas ou que não tem função, somente dentro da casa rosada, 50 funcionários foram dispensados.

A pouco tempo atrás, nossos “hermanos” estavam com problemas muito maiores que nós, deram um calote que formou títulos podres e ficaram com uma péssima reputação no mundo, porém nas eleições deram uma ótima resposta, dando um passo a direita, ao controle das contas públicas, responsabilidade fiscal e principalmente elegendo um governo preocupado em sair de uma situação difícil, a pergunte que fica, será que levaremos mais um 7×1? agora da Argentina?

 

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.