Perfil empreendedor: Flávio Augusto, da WiseUp

Perfil empreendedor Flávio Augusto, da WiseUp

Flávio Augusto da Silva é um dos maiores ícones do empreendedorismo brasileiro. Sua história de superação prova que, para se dar bem nos negócios, o principal não é o dinheiro, mas, sim, a persistência e a criatividade. Quer saber o que essa grande figura do mundo dos negócios tem a ensinar? Então confira nosso perfil empreendedor de hoje e aprenda com quem sabe:

Um breve histórico

Nascido e criado na periferia do Rio de Janeiro, Flávio estudou em escolas públicas durante grande parte de sua vida e começou sua carreira cedo. Aos 19 anos de idade encontrou emprego em uma escola de inglês do bairro, mas a situação estava longe de ser a ideal, já que o cargo exigia longas horas de trabalho e os benefícios não eram nada atrativos. Apesar de tudo isso, confiante de que poderia crescer dentro da empresa, Flávio largou sua faculdade de Ciência da Computação para poder se dedicar em tempo integral. E o sacrifício trouxe resultados! Em apenas dois meses, o jovem se tornou gerente da escola, e, com isso, começou a pensar que talvez pudesse, em um futuro não tão longínquo, abrir seu próprio negócio.

O começo do sucesso

Mesmo sem falar sequer uma palavra de inglês, Flávio Augusto decidiu seguir no ramo do ensino de idiomas, pois percebeu como o mercado já demandava essa capacitação dos profissionais. Assim, aos 23 anos fundou a WiseUp, patenteando uma metodologia inovadora que permitia um ensino mais ágil da língua inglesa e prometia fluência em apenas 18 meses. Como a ideia tinha potencial, o jovem empreendedor decidiu arriscar todas as suas fichas. A essa altura, somou 20 mil reais em dívidas no cheque especial para conseguir tirar seus planos do papel. Flávio tinha muita confiança em suas habilidades para captar alunos e divulgar cursos, novamente acertando em cheio: depois de um ano de existência, a WiseUp já contava com mais de mil matriculados!

Atualmente, a WiseUp tem 500 unidades espalhadas por 14 Estados brasileiros, além de outras 20 filiais no exterior. Em seus 18 anos de existência, a empresa se expandiu em uma holding chamada Ometz Group, que engloba 16 outros empreendimentos. Em 2013, Flávio Augusto vendeu a holding para o Grupo Abril Educação por quase 900 milhões de reais e se tornou o segundo maior acionista da empresa. Nada mal, não concorda?

O futebol e as bolsas

Só essa vitória já poderia ter sido suficiente para muitos, mas Flávio, workaholic declarado, não parou por aí. Ao se mudar para os Estados Unidos, observou o crescimento do futebol no país e percebeu ali uma oportunidade interessante. Comprou, então, o Orlando City, um clube americano de futebol, por 110 milhões de dólares. Pensando no avanço do time, também decidiu bancar mais da metade do orçamento necessário para a construção de um novo estádio e mais os 70 milhões de dólares necessários para que a equipe ingressasse na Major Soccer League dos EUA. Esses esforços, somados à contratação de Kaká, em 2014, fizeram o valor do clube subir para impressionantes 325 milhões de dólares! E Flávio acredita piamente que, em 5 anos, o time chegará à casa dos bilhões.

E o Orlando City é apenas a ponta do iceberg de um projeto muito maior! O plano é apostar em escolinhas de futebol nos EUA. Até o momento, o clube mantém um centro de treinamento na periferia da cidade de Orlando que já conta com mais de 2 mil atletas. Lembrando que uma carreira esportiva é muito importante para jovens americanos, pois representa uma chance de ganhar bolsas de estudos em universidades caríssimas. E aí está outro nicho em que Flávio já demonstrou interesse: bolsas de estudos. O empresário faz parte da iniciativa 2SV, uma empresa que ajuda jovens atletas brasileiros a conseguirem vagas em instituições de ensino superior estado-unidenses. Mediante o pagamento de uma taxa mensal, a 2SV oferece a devida preparação para os exames de entrada. Em 2014, quase 200 atletas brasileiros foram enviados aos EUA.

O retorno para a comunidade

Flávio Augusto é o idealizador do projeto Geração de Valor, voltado para jovens empreendedores que desejam construir uma carreira de sucesso no mundo dos negócios. Nessa empreitada, alguns de seus posts foram compilados em um livro visando compartilhar seus conhecimentos, inspirar pessoas e encorajá-las a investirem no empreendedorismo. Além disso, o Geração de Valor também promove ações sociais. Em 2014, por exemplo, foram captados 100 mil reais para as vítimas da chuva no Rio de Janeiro.

O meusucesso.com é outro projeto de Flávio com esse viés. Essa é uma escola de negócios on-line por meio da qual empresários de sucesso compartilham suas histórias e dicas com os assinantes do conteúdo. O empreendimento já conta com mais 25 mil alunos espalhados pelo Brasil.

As lições do empresário

Dentre os diversos ensinamentos que Flávio faz questão de compartilhar com os interessados, um dos mais importantes está em sua crença de que o primeiro passo a ser dado consiste em uma minuciosa autoanálise. Assim se pode mudar comportamentos e atitudes que venham a funcionar como obstáculos no caminho para o sucesso. Além disso, é sempre preciso correr atrás do que se quer e manter-se ativo! Afinal de contas, um futuro empreendedor não tem tempo a perder, não é verdade? O segredo é sempre trabalhar para criar suas próprias oportunidades, já que o mercado é bastante aberto a novas ideias e àqueles que têm a coragem de insistir no que acreditam. Então mãos à obra!

Pronto para começar a percorrer o caminho do sucesso no mundo do empreendedorismo? Que parte da história de Flávio Augusto chamou mais sua atenção? Comente aqui e compartilhe suas impressões e seus planos conosco! Participe!

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.